segunda-feira, 20 de novembro de 2017

The Wrath and the Dawn – Opinião

Desde que tinha ouvido falar deste livro que andava com a pulga atrás da orelha para o ter. Acho que este deve ter sido dos primeiros livros, senão mesmo o primeiro, que adquiri em Hardcover e não me arrependo nada. A edição é maravilhosa o que dá ainda mais vontade de passar cada página, ajuda a ganhar gosto pelo livro, não é que seja necessário pois a estória é fantástica por si só.
Desde muito cedo que adoro grande parte da cultura dos países árabes, no que diz respeito a música, estórias ou mesmo o vestuário destes países, como tal todos os pequenos pormenores descritos foram sensacionais, pois permitiram mergulhar numa cultura que para mim me fascina.
Shahrzad, personagem principal desta estória, encantou-me desde o princípio pela sua personalidade forte e determinação em vingar a morte da sua melhor amiga, pelas mãos do temível Khalid, que mata as esposas no dia a seguir ao casamento.
Foi quase impossível deixar o livro de lado para ir fazer qualquer coisa mundana, como comer, o vício era tanto que quase não dormia para conseguir acabar o livro e perceber o que raio se estava a passar, mesmo que os olhos praticamente já não se mantivessem abertos e tivesse que ler a mesma linha 20 vezes.
Quem gosta de mundos de fantasia recomendo a 100% adquirir esta obra fabulosa. De certeza que não demorarei muito até comprar o segundo volume, em Hardcover também, como é óbvio.

sábado, 18 de novembro de 2017

Accio Books – 4º livro novembro 2017

Será que é desta que volto a conseguir ler 6 livros num mês? Metade já está, por isso vamos acreditar que sim.
O livro que se segue é o 2º de uma suposta trilogia, que agora não sei bem porquê (dinheirooooo!) virou uma saga, “Glass Sword” de Victoria Aveyard. Li o 1º o ano passado e gostei bastante, mas andava com bastante preguiça de pegar neste, por isso fui deixando arrastar, até que esta semana surgiu a capa do 4º livro o que despoletou novamente o interesse para continuar esta série.
Já li as primeiras páginas e tenho a dizer que este tempo de pausa me fez muito mal, não me recordava de grande coisa, alguns nomes de personagens não me diziam nada o que tornou o início um pouco confuso, mas acho que já estou mais encaminhada.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Accio Books – 3º livro novembro 2017

E nem estamos a metade do mês e já vou para o 3º livro! Acho que isto já não me acontecia há uns bons meses, não sei se ando a acertar nos livros ou se o stress todo com que ando me faz agarrar mais à leitura para poder descontrair.
Desta vez o livro a vir parar à mesa de cabeceira foi “The Call” de Peadar O’Guilín, já li um pouco e ainda não sei bem se estou a gostar ou não, mas está a ser de leitura bastante rápida, o que é sempre agradável.
Tenho sempre um pouco de receio quando os livros de fantasia se distanciam da realidade, em termos de seres mitológicos, porque apesar de adorar fantasia estes mundos são bastantes diferentes e não consigo sentir ligação. Dentro da irrealidade são demasiado irreais.
Já alguém leu?

terça-feira, 14 de novembro de 2017

A 5ª Vaga – Opinião

Esta foi uma leitura bastante agradável, mas para ser sincera estava à espera de mais. 
Fui apresentada a esta trilogia quando o 1º livro foi adaptado para filme e, como os livros costumam ser bastante melhores que os filmes, fiquei com as expectativas bastante elevadas, o que deu para o torto. Passei o livro todo a fazer comparações entre ambos e por mais que me custe admitir achei o filme bastante mais interessante, a começar pela personagem principal, Cassie,  interpretada no grande ecrã por Chloe Moretz.
No filme esta é-nos dada a conhecer como uma guerreira, pois consegue passar todas as adversidades que encontra pelo caminho com relativa facilidade e calma, mas no livro ela é a típica rapariga adolescente americana com um enorme problema de autoestima, que tem uma crush enorme pelo rapaz mais giro da escola e que às vezes se torna bastante irritante, e só apetece dar estalos com certas atitudes que ela tem.
Um defeito no livro é a troca de personagens entre capítulos e que, como não é assinalado em lado nenhum pode tornar-se confuso, pois, temos que estar a adivinhar quem vai falar a seguir. Para mim não foi uma confusão gigantesca porque tinha lido que estas mudanças de personagens ocorriam, mas para quem não sabe o “choque” ainda deve ser grandinho.
Agora as partes boas, acho a temática super interessante e a estória está muito bem feita e pensada, o que me fez ficar o livro todo a pensar o que faria em cada situação em que as personagens são submetidas, por exemplo, verem todas as pessoas que amam a morrerem sem poderem fazer nada para travar isso.
Quanto a outras personagens, gostei muito mais do Ben e do Evan no livro, provavelmente porque nos é permitido ver as coisas pelo ponto de vista deles o que ajuda sempre na criação de laços com as personagens, torna-as mais “reais”, digamos assim.
Em suma, estou a contar gostar mais do 2º, veremos se isso se irá realizar.

domingo, 12 de novembro de 2017

As Lições do Pinguim – Opinião

Que livro mais fofo! *-* (É sobre pinguins não estava à espera de outra coisa)
Ao contrário de um outro livro que li este ano sobre animais, “Dewey” (opinião aqui), apesar de haver alguma informação sobre a vida do autor, achei que neste caso ficou bastante bem enquadrado e que a informação dada era importante para percebermos bem o conteúdo que nos estava a ser transmitido.
Sou sincera quando digo que a América do Sul nunca foi local que me fascinasse mas fiquei super curiosa após esta leitura.
Está escrito de uma maneira fabulosa, parece que me conseguia ver em todos os pequenos instantes contados, ajudando também com as belíssimas ilustrações que fomos encontrando ao longo do livro e que ajudam a visualizar Juan Salvado da melhor maneira possível.
É um livro muito engraçado, o qual recomendo para pessoas que gostem de animais, sejam eles pinguins ou não.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Accio Books – 2º livro novembro 2017

E com o livro anterior lido, consegui atingir o meu objectivo deste ano de ler 40 livros, por isso tudo o que vier agora é bónus. :D
The next chosen one, como 2ª leitura do mês e 41ª do ano, foi nada mais nada menos que “O Casal do Lado” de Shari Lapena. Andava há meses para tentar arranjar este livro em segunda mão, mas como ganhei cheques-prenda da Bertrand aproveitei para o adquirir o mês passado, e como a vontade de o ler era enorme, não consegui deixá-lo de lado e ir ler outra coisa.
Todas as pessoas que conheço e que leram esta obra ficaram completamente rendidas, como tal, estou com as expectativas super em alta, e espero não me desiludir.
Já leram?

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Accio Books – 1º livro novembro 2017

O quê? Como assim já é novembro? Este mês passou demasiado depressa e não consegui fazer nem metade do que queria!
Com a TBR a crescer a olhos vistos lá vou eu tentar, mais um mês, ver se a consigo diminuir ou mesmo equilibrar.
Como primeira leitura dos mês, decidi continuar uma trilogia, a qual ainda não fiz a opinião do 1º livro, mas que sendo assim só me vai motivar para fazer a opinião antes de acabar o 2º, espero. O livro é “ O Mar Infinito”, 2º livro da trilogia a 5ª Vaga, de Rick Yancey.
Adoro livros distópicos, por isso como é óbvio fico sempre entusiasmada quando vou ler um. Rick Yancey não me desiludas!